Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Uncategorized’ Category

Ontem eu estava ouvindo a Kiss FM (102,1) na volta pra casa quando o titio Marco Antonio chamou a repórter de trânsito que fica sobrevoando SP para o boletim do trânsito.

A repórter, que não me lembro o nome, mas que é muito divertida e descolada por sinal, estava comentando que estava quase completando o álbum da copa e o titio Marco Antonio bancou q ela já havia completado a seleção italiana. Ela prontamente confirmou com algo do tipo, “opa, claro!!! Não só a italiana, mas todos os mais gatos!” 

Nessa eis q surge o comentário do titio Marco Antonio: “deixei toda a seleção de Camarões separado aqui pra você de presente” e ela soltou um grito de repúdio, deram risada e passaram para o boletim.

 

Imagem

Fiquei pensando com meus botões…os camaroneses não podem ser bonitos? Não foi um jogador ou outro, foi a seleção de Camarões. E se fosse a seleção da Costa do Marfim? Provavelmente teria o mesmo final. E se fosse a seleção, sei lá…da Espanha, França? Ela ficaria feliz?

Não costumo julgar comentários ou atos que possam ser racistas ou preconceituosos, mas esse diálogo que deve ter passado batido por vários ouvintes ou até mesmo engraçado pra alguns me fez pensar o quanto isso está encruado nas pessoas e elas nem percebem.

Reparo muito em propagandas com crianças, fralda, leite, suplemento, papinho, brinquedos, etc…quando vimos um bebê negro feliz brincando ou comendo com seus pais? Sinceramente só me lembro de ter visto algo parecido quando a prefeitura de São Paulo fazia propaganda do pré-natal e pós-natal se não me engano do SUS, com um casal e filho negros. SUS, propaganda com negros. Fisher Price, Pampers ou Ninho, brancos. Será que já é tão normal que ninguém percebe mais?

Imagem

Me preocupa isso porque meu filho esta crescendo e não quero que ele tenha uma imagem tão….natural disso. Claro que será um trabalho nosso, dos pais, a educá-lo e mostrar-lhe que o mundo é muito mais que isso, mas que será uma briga desleal, ah vai ser. Pai e mãe vs televisão e falta de percepção do mundo. Na cabeça dele quem estará certo?

Enfim, um post para refletir…

Tá então?

Então tá!

PMN

 

Anúncios

Read Full Post »

Essa pegadinha foi show!

A Pepsi “transformou” o jogador da NBA Kyrie Irving do Cleveland Cavaliers no simpático Tio Drew e o levou a uma dessas quadras de basquete espalhadas pelos bairros dos EUA para assistir ao “sobrinho” jogar.

SLMS-120043-CN1.pdf

Ele chegou meio que se arrastando e logo um dos atores se “contundiu” e chamaram o Uncle Drew para compor o time. O começo foi triste, nem aro dava…mas com o tempo, Uncle Drew foi se soltando e olha só a reação da galera!

Sensacional!

Tá então?

Então tá!

PMN

Read Full Post »

Aeeeee galera, finalmente estou de volta no meu blog que abandonei a mais de 1 ano!

Eu nem me lembrava mais do último post que fiz e pude ver que foi o resumo de 2011, então 2012 ficou jogado às traças e por pouco 2013 não se perde junto.

E pra comemorar a volta, bem no mês de agosto…resolvi pesquisar o porque que as pessoas chamam o mês de agosto como mês do cachorro louco.

Li na maioria dos sites que pesquisei que haviam 2 versões diferentes para explicar o “apelido”, uma histórica e uma biológica. Mas encontrei uma terceira versão, essa mais sensitiva que vale a pela ser citado.

A versão histórica diz que o mês de agosto foi marcado como mês de grandes acontecimentos ruins para a humanidade como a Primeira Guerra Mundial que começou no dia 1º de agosto de 1914, o ataque às cidades de Hiroshima e Nagasaki pelos norte-americanos com bombas atômicas nos dias 6 e 9 de agosto de 1945, o que resultou na morte de mais de 200 mil pessoas no fim da 2ª Guerra Mundial. Sem falar que em 2 de agosto de 1934 Adolf Hitler se torna o führer (Líder ou Chefe de Estado) da Alemanha. 

Convenhamos que são estranhas coincidências num único mês.

A versão mais sensitiva diz que o mês de agosto é dotado de muita energia negativa, e por isso é o mês do desgosto e do azar. Um mês carregado de superstição e magia. Podemos lembrar mais alguns fatos históricos que podem comprovar essa crendice, como o suicídio cometido por Getúlio Vargas no dia 24 de agosto de 1954, a construção do Muro de Berlim, que dividiu a Alemanha em duas partes, começou no dia 13 de agosto de 1961, no dia 12 de agosto de 1968 os católicos e protestantes da Irlanda do Norte começaram a se matar, mas “tudo em nome de Deus” e também a morte de Juscelino Kubitscheck em um acidente de carro no dia 22 de agosto de 1976.

E a versão biológica diz que neste mês há um aumento na quantidade de cadelas que ficam no cio, em razão das mudanças no clima, etc. E consequentemente a cachorrada fica enlouquecida com a possibilidade de se dar bem com a cadelada. As brigas aumentam e consequentemente a chance de se aumentar a transmissão da raiva entre os dogs e depois para os humanos são grandes,

Além de muitos outros mitos, há um muito curioso que diz que nuestros hermanos possuem uma crendice popular que diz que não é aconselhável lavar a cabeça, pois estariam atraindo a morte. Credo, eu estaria morto já no primeiro dia.

E finalmente a origem da palavra. O nome do mês, agosto (do latim, Augustus), foi uma homenagem que o imperador César Augusto fez a si mesmo, modesto ele, não?

Enfim, se analisarmos todas as versões são dignas de crença, e eu mesmo pude comprovar a força desse mês quando o meu filhote Zé passou praticamente o mês inteiro doente, saindo de uma doença e caindo em outra antes de completar 1 ano.

 E que venha logo Setembro!

Tá então?

Então tá!

PMN

Read Full Post »